Pictures of Lightning

Pesquisar este blog

Páginas

segunda-feira, 4 de junho de 2012

..retrospectiva..

1) O ateu: Fecham-se os olhos para a eternidade
     para a dor dos mortais, para os horrores do
inconsciente, para o nada a que tudo conduz, pa-
ra o esquecimento brutal...
Morta a esperança, nasce a lembrança, que a tem
pestade e a bonança..haverão de apagar...
_____________________________________
2) Embriagado pelo fascínio; existência fútil..Hoje
em claustro mutilado..foram-se os dedos..ficaram
os anéis..Agora já bem próximo da partida, sendo
que à luz vieste puro; ergue-se o íntimo em clamor
desesperado; antes que o  Ser saltasse à carcaça..
_____________________________________
3) Fera manca que ronda estábulos
    Solta teu mugido de rês desgarrada;
    manto celestial da fome implacável...
_____________________________________
4) Debruçada sobre mármore ainda quente, o sol
    da noite iluminava cética expressão de pavor..
Deitado ao lado, um corpo coberto por uma man-
ta..tremia em convulsão. Ao descobrir-lhe o rosto,
soltou um gemido de agonia; o tecido aderia-se às
feridas. Com a mão toquei-lhe a fronte; ardia em
febre..Seus olhos injetados moviam-se desordena-
damente à procura dos meus; testemunha cega...
Senti a angústia de que não fosse aquela noite seu
último dia..E tive a impressão de que a última ex-
pressão é a que fica..Da cabeceira, a última vaida-
de em INRI..a tudo contempla..passiva...
_____________________________________
5) Perdizes, com suas rêmiges harmônicas, ciscavam
por grãos ao longo dos eitos..Faisões, em suas dan-
ças nupciais..entoavam cantos de insinuante magia..
Aves canoras..de rica plumagem..cadenciavam a
marcha da natureza..Do colorido outonal das copas,
de rapinas espreitavam..No alto das colinas..lobos
disputavam restos de presas..E urubus revoavam nas
alturas...
________________________________________
6) Natal de brinquedo: Não tem vovô no barracão,
não tem vovó no macarrão..Nem Mariquinha na cer-
ca..nem feijão queimando..Não tem galinha choca..
não tem pato estrangulado..nem céu carregado..nem
limoeiro em flor...
_______________________________________
7) Tédio sertanejo: Um pedacinho de cerrado por
     quintal..Uma varanda para cantos e astros..Poe-
deiras caipiras e um galo relógio..Sem gente..sem
pente...
_______________________________________
8) Antigos carnavais: Biquini, monoquini, top.less,
less.geral, top.tudo, coisa e tal, água destilada, fu-
zil, canudo, copo, garrafa, garrafada, tiro, facada,
Polícia, Ambulância, Pronto Socorro, UTI, 1/2 ho-
ra, óbito, necrotério, autópsia, velório, cemitério,
bye bye..so long..very well...
_______________________________________
9) Despiertar del sueño maligno
    Los dedos buscan in vano los anillos
    Dulce son sus labios y las cenizas
   Amargas las flores...
   Secretos vivos; secretos guardados
   Muertos; banqueteados..calcinados
   Vivos; adorados
   Muertos; yo vierme..yo fuego...
______________________________________

Nenhum comentário:

Postar um comentário