Pictures of Lightning

Pesquisar este blog

Páginas

quarta-feira, 20 de janeiro de 2010

O LAGARTO E O DRAGÃO



Era uma vez um fazendeiro muito rico...
Gado a dar com pau..lavoura de diversos
cereais..pomar com as mais variadas es-
pécies de frutas. Mesmo assim não pare-
cia estar satisfeito.Queria algo mais..
que isso tudo não estava lhe proporcio-
nando. A média de produção por volta de
80% devia-se em grande parte a um lagar
to;responsável pelo combate aos insetos
e outras pragas comprometedoras. Mas en
tendia possuir poder que o levaria mais
longe; dentro de como via a questão.Pen
sou e decidiu experimentar um dragão...
O lagarto, vendo sua função sendo desem
penhada com muito mais eficiência, dei-
xou a fazenda em busca de trabalho nou-
tros lugares. No início foi uma beleza!
O bicho acabou com todas as pragas que
não conseguiram refúgio no subterrâneo.
Ficando sem ter com que se alimentar,co
meçou a comer pequenas reses..cereais..
frutas.. E agora? Dispensar o monstro e
trazer de volta o lagarto? Tudo bem! Só
que desta vez ele não iria dar conta da
quantidade que proliferara abaixo da su
perfície. Situação complicada! O lagar-
to já havia se intimidado diante do bi-
cho. Juntá-lo a outros dificilmente re-
solveria; visto que já lhe conheciam a
fama. Aliado a isso, o crescente núme-
ro da peste escondida diminuia mais as
chances. Talvez um dragãozinho...com o
tempo...conseguisse resgatar boa parte
do todo;antes tido como insatisfatório.
Aparentemente a impressão era de que o
trabalho do bicho menor havia alcança-
do efeito positivo;deixando a situação
em condições de ser controlada pelo la
garto; o que tornava sua presença não
mais necessária.E o que os predadores
deixaram sob a terra? A força com que
aflorou, ordenando o imediato retorno
do monstro era imperiosa, implacável.
Foi quando sua fúria veio para aniqui
lar;já de olho em novas insatisfações

Ass/Jorge

Nenhum comentário:

Postar um comentário