Pictures of Lightning

Pesquisar este blog

Páginas

sábado, 14 de novembro de 2009

NUNCA É TARDE PRÁ SE ARREPENDER



Hafid, comerciante riquíssimo, começou a sentir

que sua saúde declinava... Uma série de proble

mas concomitantes foi se instalando... Chamou o

filho para explicar-lhe o fato: Naim, ma filho: Ba

pá tá muito duente, e acha melhor bassá fortuna

bá Naim...Nossa, bapá! É muita coisa bá Naim...

Ma num tem otro jeito, filho... Bapá pode morrê

a gualqué momento... Só que pelos nossos costu

mes, Naim tem que mostrá alguma habilidade..,

como prova de competência para cuidar de tudo

que vai recebê. Habilidade em que, bapá? Por e

xemplo: Naim terá de mostrá a bapá guê conse

gue begá barbuleta vuandu... Nossa, bapá, esse

tarefa munto difici! Mas a fortuna é muito gran

de, filho! Dá bom, bapá; Naim bromete dedicar

Garoto, ainda; porem ambicioso.. Toda manhã

ia pro campo treinar a agilidade... Dias..meses;

até que pegou o macete. Passava uma, o meni

no pá! Passava outra, pá! Nenhuma escapava.

Voltou prá casa todo feliz, eufórico...

Bapá...bapá !!! Naim brendeu begá barbuleta

vuandu! Ah!.., filho! Bapá tá munto orgulhoso!

Amanhã cedinho, Naim põe bapá na cadera de

roda, e vamo bro mato ver Naim begá barbule

ta vuandu. Não deu outra. O garoto pegava to

das. É pá! É pá! Mais de vinte. Agora, fortuna

toda é de Naim, né bapá !?!!

Ah!.., ma filho querido! Naim nantendeu direi

to o que bapá falô: Naim begá barbuleta vuan

du; NAIM VUANDU ! ! !

Nenhum comentário:

Postar um comentário